[ editar artigo]

Preços abusivos de combustível devem ser denunciados no PROCON

Preços abusivos de combustível devem ser denunciados no PROCON

Preços abusivos de combustível devem ser denunciados no PROCON! Nada justifica aquilo que está acontecendo em alguns postos de gasolinas. Aumentar o preço dos combustíveis de forma indiscriminada é criar ambientes nocivos e delicados.

O Procon está orientando as pessoas a denunciarem estabelecimentos que estejam praticando preços abusivos em meio a uma das crises mais profundas da história recente brasileira. A greve dos caminhoneiros, instrumentalizada por grupos empresariais do setor de transportes, está atingindo patamares preocupantes na esfera nacional.

Infelizmente, com a crise política, a falta de confiança da população no judiciário, a grande taxa de tributos sobre os produtos e serviços, a extensiva corrupção em vários setores sendo reveladas, tudo isso faz gerar uma massa de pressão tão grande que em algum momento explode.

A greve dos caminhões pode ser este processo crítico, tal qual como em 2013 quando uma simples reivindicação sobre as passagens de ônibus virou um movimento anti governo Dilma que até hoje ainda não se silenciou. A expectativa sobre isso também vira peça de exploração política e gera mais distorções capitalizando resultados sobre bandeiras sociais em pleno ano de eleição.

Essa crise de insegurança econômica, aonde está se discutindo o abuso sobre tributos nos preços dos combustíveis, poderá se agravar com outras categorias que também podem aderir à paralisação. E aí deveremos ter algo que nunca tivemos antes: a experiência de um país congelado em todos os setores.

A verdade é que estamos frente a um estado tomado de assalto. Uma categoria nevrálgica para a economia brasileira demonstra como devem existir outras alternativas para o transporte. Depender dos caminhões para fazer a distribuição de recursos é um grande equívoco histórico. Isso porque nunca tivemos políticas de transporte capazes de resolver as dificuldades de distribuição. A falta de malha ferroviária é um dos grandes elementos que atrasam o desenvolvimento do país e faz exatamente aquilo que está acontecendo hoje, ou seja, estamos todos nas mãos dos caminhoneiros.

Enquanto os movimentos estão defendendo seus interesses, quem não tem absolutamente nenhuma defesa é o cidadão. Por isso, devemos todos entender que não podemos deixar os oportunistas abusarem de seus posicionamentos. Preços abusivos devem ser contidos com fiscalização.

Ao constatar preços abusivos, você pode tirar fotos e gravar vídeos. Em seguida, pode entrar no site do Procon e registrar ocorrência postando também estas fotos ou vídeos que funcionam como provas. O Procon irá tomar medidas cabíveis para evitar estas distorções aplicando multas e fechando estabelecimentos.

Se você não criar a denúncia sobre preços abusivos, como terá forças para se defender de outros abusos? Exija seu direito e Estado Cidadão!

 

Estado Cidadão
Rafael Cardoso
Rafael Cardoso Seguir

Um cidadão que deixou de ser passivo para trazer luz e ambiente à discussão social e político.

Ler conteúdo completo
Indicados para você