[ editar artigo]

Datafolha conseguiu atestar porcentagens de idiotas no Brasil

Datafolha conseguiu atestar porcentagens de idiotas no Brasil

Datafolha conseguiu atestar o volume de idiotas presentes no Brasil. Cerca de 7 % dos brasileiros, segundo o Instituto Datafolha, crê que a Terra é plana! Ainda que não afirmada, a idiotice só tem fundamento sob dois aspectos.

1) O brasileiro é sarcástico por natureza

É notório que o brasileiro é um dos povos mais carismáticos do mundo. Segundo algumas pesquisas de comportamento, o brasileiro tem certo dom para enxergar na adversidade algum miligrama de ironia.

Obviamente, temos esse registro por parte dos estrangeiros, ao evidenciarem a figura de Carmem Miranda, desde o século passado; deixa certo estereótipos se transformarem em referência de perfis comportamentais, relativos ao nosso povo.

Seria o brasileiro um pícaro social? Talvez. Essa perspectiva pode estar registrada nessa pesquisa. Portanto, pode-se afirmar que a pergunta é tão escabrosa que a pesquisa espelha uma ironia sobre esse resultado.

Logo, o brasileiro não é idiota, mas se sentiu idiota ao responder essa pesquisa. Certamente, sob esta ótica, não se pode analisar tal natureza analítica.

2) Quem acredita na Terra Plana é idiota

Não há, sob qualquer ótica científica, ideológica ou filosófica que dê qualquer lógica de argumentação relativa à natureza do sistema espacial universal.

Certamente, quem acredita na teoria da Terra Plana renega a natureza das leis da física. São pessoas que também atestam intelectualidade limitada sobre outros assuntos, tal como a projeção de teorias conspiratórias de cunho fantasioso, paranoia patológica dos esquizofrênicos ou crença nas verdades relativas.

Não há lógica sobre a perspectiva científica, física ou filosófica. Da mesma forma que a matemática não é regida pelas crenças ou ideologias, a ciência espacial também não. Dois mais dois não é quatro por conta da crença de uma prévia verdade, mas resultado de uma lógica.

Caso essa pesquisa tente afirmar que o brasileiro, ticado como crente na fantasia da Terra Plana, demonstra uma camada ignorante ao extremo sobre os preceitos fundamentais do conhecimento humano.

Idiocracia parece ser o futuro do mundo?

Filme profético de 2006, Idiocracia brinca com o nível idiota capaz de atingir determinada sociedade, viciada em discursos fáceis.

À medida que o indivíduo busca, pela natureza da sobrevivência, maneiras mais fáceis de conquistar seus anseios e desejos, fica suscetível a abrir mão de sua massa intelectual de perceber o mundo ao seu redor.

Outro filme muito emblemático, sob a perspectiva fácil do universo ao redor, é WALL-E, disponível no catálogo da Netflix.

Num futuro hipotético, o ser humano deixou de existir na Terra tomada pelo lixo e inabilidade de reciclar detritos sociais. O robô protagonista e homônimo do título deste filme é abandonado a sua programação de reciclar.

O conceito de pós-verdade para o Datafolha

Emílio Surita, âncora do consagrado programa Pânico no Rádio, brinca de forma divertida com um conceito bem usado, hoje em dia, ou seja, o conceito de pós-verdade. Isso significa que além da verdade, há aquilo que é relativizada por conta da interpretação mais plausível do indivíduo.

Essa é uma boa perspectiva de análises futuras do Datafolha. Afinal de contas, quem é que pode dizer mais sobre a pós-verdade do que aqueles que acreditam na Terra Plana.

O fato das pesquisas serem interpretadas, conforme o ponto de vista mais aprazível aos elaboradores das análises, demonstra, à certa medida, que há possibilidades destes idiotas estarem aparecendo em preferências políticas relativas ao governo Bolsonaro.

E mais uma vez, vivemos a análise das interpretações diversas. Isso porque, novamente, o preceito do conhecimento mastigado pode estar no desejo do brasileiro que aponta crença sobre a pós-verdade da Terra Plana.

Será saudável falar da Terra Plana?

Veja o vídeo de Pirula, youTuber que tem o posicionamento de comunicação na rede propositiva à ciência.

Antes de mais nada, Pirula deixa claro que também há certa possibilidade dos terraplanistas estarem num movimento de trolagem absurda. No entanto, mesmo estes grandes brincalhões, podem estar alimentando crenças em idiotas desfuncionais.

Deixe nos comentários desta postagem o que você entender ser interessante no conteúdo do Pirula relativo a este tema bizarro.

Deixe sua opinião aqui na comunidade Estado Cidadão

E você?

Qual é a pós-verdade que lhe chama atenção? Você não precisa concordar com a pós-verdade apontada para admirar sua criatividade. Eu mesmo posso afirmar que há certa criatividade interessante no processo de defesa da fantasia da Terra Plana.

De antemão já digo que seria uma ótima premissa para um filme de ficção-científica a hipotética possibilidade dos marinheiros encontrarem a borda do mundo, tal como ficou evidente a loucura em Piratas do Caribe no fim do mundo.

Pense nisso quando pensar nessa pós-verdade ou em outras de sua melhor preferência.

Estado Cidadão
Rafael Cardoso
Rafael Cardoso Seguir

Um cidadão que deixou de ser passivo para trazer luz e ambiente à discussão social e político.

Ler conteúdo completo
Indicados para você